Apresentação

O Centro Cultural Carlos Alberto Nicolau hospeda, desde 2016, o Projeto USP-Música-Criança.

São oferecidas aulas gratuitas de música em diversas modalidades, ministradas por professores qualificados ligados ao Departamento de Música da FFCLRP-USP de Ribeirão Preto, num fecundo convênio que visa o ensino da arte musical para a mais tenra idade.

O projeto possui também diversos grupos de atividades coletivas, tais como Orquestra Sinfônica Infanto-Juvenil, Coral Infanto-Juvenil e diversos grupos de câmara. O Música-Criança atende mais de 170 alunos da cidade de São Joaquim da Barra e redondezas, funcionando na Casa do Menor Santa Lúcia.

2000
Com início em
0
Crianças atendidas

São oferecidas aulas de violino, viola, violoncelo, contrabaixo, flauta transversal, clarineta, saxofone, trompete, trompa, trombone, tuba, piano e canto.

O Projeto USP-Música-Criança foi idealizado por Rubens Russomanno Ricciardi (professor titular da USP) e seu orientando de pós-doc, Lucas Eduardo da Silva Galon.

Por muitos anos foi sonhado como um projeto de extensão para o Campus da USP em Ribeirão Preto, que pudesse fecundar o solo fértil do ensino de música para crianças pequenas, investindo em formação inicial de alto nível.

A ideia de uma escola de música associada à saúde e ao esporte, dentro do mais excelente paradigma clássico, demorou a sair do papel. Isso só ocorreu graças ao feliz encontro entre Rubens e Carlos Alberto Nicolau, músico e entusiasta das artes, que já mantinha uma escola de música embrionária na Casa do Menor Santa Lúcia, ligada à Loja Maçônica Jóia Fraternal Jorge de Lollo em São Joaquim da Barra-SP.

Carlos Alberto se dispôs, no verdadeiro espírito dos grandes mecenas, a criar um centro cultural que pudesse hospedar o projeto USP-Música-Criança, juntando forças com o trabalho que já ocorria na Casa do Menor, comandado pela professora Maria Costa.

A parceria fecundou e hoje o USP-Música-Criança é uma escola modelo de música clássica, oferecendo ainda aulas de idiomas, que atende mais de 170 crianças entre 5 e 18 anos desde 2016. A escola conta com um robusto corpo docente e de coordenadores com 14 membros e foi aprovada pelo Ministério da Cultura federal para receber doações via isenção fiscal (Pronac – Lei Rouanet) a partir de 2019.

Fechar Menu